26/05/2018 - 10:17

Justiça determina desobstrução de central de distribuição de combustíveis na Capital

Renan Nucci
Correio do Estado
O juiz Juliano Rodrigues Valentim, da Primeira Vara Cível de Campo Grande, concedeu liminar para desobstrução da via de acesso à central distribuidora da Raízen Combustíveis localizada na Rual Alan Boa Ventura, na região do Jardim Sayonara. 

Segundo decisão publicada ontem, o magistrado ainda determinou a aplicação de multa àqueles que desrespeitarem ordem judicial. A Raízen ingressou com pedido de tutela antecipada contra a Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam), alegando que estava com suas atividades prejudicadas por conta do movimento de paralisação deflagrado no início da semana. 

A empresa afirma que, somente na comarca da capital sul-mato-grossense, "desempenha papel de relevância ainda maior, já que, a partir de sua base local, com movimento de 800 metros cúbicos de combustível, abastece toda a região".

Em sua decisão, o juiz deferiu o pedido de tutela para que o acesso seja desobstruído e ainda afixou multa de R$ 10 mil para que dificultar ou impedir a passagem de veículos da empresa. "Determino ao analista encarregado que ao cumprir esta ordem identifique o maior número possível de pessoas físicas ou jurídicas responsáveis pelos bloqueios, a fim de que integrem o polo passivo da demanda, intimando-as para cumprimento da medida", lê-se nos autos.
Voltar
Site desenvolvido por: