07/05/2018 - 04:54

Robin Williams agonizava com doença cerebral incurável antes de se suicidar

G1
Novo livro sobre os últimos dias de Robin Williams antes de cometer suicídio, em 2014, aos 63 anos, joga luz sobre o que passava um dos maiores astros de Hollywood. 'Robin', assinado por Dave Itzkoff, traz entrevistas com pessoas do círculo mais íntimo do ator e também de seus compaheiros de trabalho em um dos seus últimos filmes: 'Uma Noite no Museu 3'. De acordo com os relatos, foi lá que Williams começou a sentir as limitações de uma desordem cerebral que o acometia. 

O sempre hiperativo e costumeiramente verborrágico Robin Williams não conseguia mais lembrar suas falas no filme rodado em Vancouver, no Canadá. "Ele chorava nos meus braços todos os dias. Era horrível. Ele me dizia: 'Não consigo mais, não sei mais como ser engraçado'", revela a maquiadora Cheri Minss, que recomendou que o astro revelasse aos produtores o que estava passando. Mas ele se recusou a fazê-lo.

O fato é que Williams sogria de uma doença cerebral degenerativa que gradualmente foi lhe tirando suas capacidades dramáticas e até o discernimento. Logo depois começaram a aparecer outros sintomas, como indigestão, dificuldade para urinar, insônia, perda de olfato, entre outras disfunções. Um tremor na mão esquerda também indicava problemas mais sérios, mas foi confundido com uma contusão no ombro. 

Apesar de ser diagnosticado com Parkinson, Williams sofria de Demência com corpos de Lewy, uma incurável efermidade cerebral. Ocorre quando proteínas passam a crescer de forma anormal nas células nervosas cerebrais, progressivamente danificando suas funções. A viúva Susan Schneider descreveu a chegada dos primeiros sintomas como 'avalanche'. "A gente tentou procurar as respostas para aquilo, mas não conseguia. Tentamos de tudo", desabafou. 

Robin McLaurin Williams nasceu em 21 de julho de 1951 e se tornou um dos maiores atores da sua geração. Venceu o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante pelo papel de terapeuta em 'Gênio Indomável' e colecionou uma série de papéis inesquecíveis no cinema e na TV, como 'Patch Adams', 'Hook - A Lenda do Capitão Gancho', 'Tempo de Despertar', entre muitos outros. Cometeu suícidio em 11 de agosto de 2014. 
Voltar
Site desenvolvido por: