09/08/2018 - 04:56

'Não está nada fácil', fala filha de produtor rural morto durante assalto

G1/MS
Em poucas palavras e emocionada, a decoradora Adriana Biagi resume o sentimento da família do produtor rural morto durante assalto terça-feira (7), em Caarapó. "Não está nada fácil". "Até agora não estamos acreditando no que aconteceu".

Adriana é filha de Antônio Biagi Netto, que foi morto e teve a picape, a carteira e o celular roubados. "Meu pai era um homem honrado, esposo, pai e filho dedicado".

Um indígena de 20 anos está preso pelo latrocínio. Julião Cavalhero foi encontrado após ter batido o carro da vítima em uma oficina.Com ele foram encontrados objetos roubados de Antônio Biagi. Até então, não se desconfiava que o produtor pudesse ter sido vítima de um crime.

O site aguarda posicionamento da Funai sobre a prisão do índio.

Depois disso, ele foi dado como desaparecido. Familiares, amigos e a polícia passaram a procurá-lo. "A gente esperava encontrar ele com vida", fala Adriana.

O corpo do produtor rural foi encontrado após cerca de oito horas de busca em um canavial próximo à MS-156.
Voltar
Site desenvolvido por: